TRABALHO: HISTÓRIA DE SUCESSO/PESSOA COM DEFICIÊNCIA

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Antonina fez o cadastro no Dia D e já comemora um ano de carteira assinada

ANTONINA  ( BIG SUPERMERCADO- FOTO - CARLESSANDRO SOUZA - ASCOM- SETAS - TO-34 (3)

Antonina já está há um ano na rede Big Supermercados

Depois de dois anos em casa, recebendo auxílio doença devido a um tratamento de câncer de mama, Antonina Coelho de Arruda, 42 anos, recebeu um telefonema da equipe do Sistema Nacional de Empregos (Sine-TO) informando sobre o Dia D de Inclusão Social e Profissional das Pessoas com Deficiência e Reabilitados do INSS. Sem pensar duas vezes ela aceitou o desafio e participou do evento, e este ano de 2017 comemora um ano empregada na padaria do Supermercado Big, em Palmas.

ANTONINA  ( BIG SUPERMERCADO- FOTO - CARLESSANDRO SOUZA - ASCOM- SETAS - TO-34 (4)

Limitação dos movimentos do braço não impediu Antonina de arrumar trabalho

Segundo Dona Antonina, voltar a trabalhar foi fundamental para sua recuperação e relata: “Tem momentos na vida em que você só tem duas escolhas, viver ou se render. Eu escolhi viver e voltar a trabalhar só me fez bem”. A reabilitada acredita que se dedicar a alguma função, ter horário para entrar e sair e partilhar da companhia de colegas tira o foco da doença e trás um novo sentido à vida.

O ganho festejado por dona Antonina também é compartilhado pela empresa que a contratou. Conforme a assistente de Recursos Humanos do Big, Carline Cruz, a funcionária é um verdadeiro achado e explica: “A Dona Antonina é uma excelente funcionária, gostaríamos de ter mais colaboradores com a dedicação e comprometimento dela”.

Além da disposição do trabalhador, a boa adaptação de pessoas com deficiência e reabilitados do INSS também conta com a contrapartida das empresas em oferecer os recursos necessários para que esses colaboradores exerçam suas funções de forma eficiente e confortável.

Carline comenta que no caso de Dona Antonina foi elaborado um suporte para que ela possa subir e pesar os produtos na balança que ficam em cima do balcão. “Com a cirurgia de retirada da mama, a funcionária ficou com os movimentos dos braços limitados e para tornar seu trabalho mais confortável providenciamos esse suporte”, disse a assistente de RH. A representante declara, ainda, que a empresa visa o crescimento, mas essa projeção vai além dos números. “Nós estamos crescendo e acreditamos que precisamos crescer em todos os sentidos”, defende ela.

Aumentar o número de histórias bem-sucedidas como a relatada aqui é o motivo dos esforços diários de uma das frentes de trabalho do Sine Tocantins. Mas no dia 29 de setembro, o Sistema irá dedicar um dia inteiro de trabalho a esse objetivo. O município de Araguaína receberá o Dia D – Dia de Inclusão Social e Profissional das Pessoas com Deficiência e dos Beneficiários Reabilitados do INSS.

O evento que já teve duas edições em Palmas reunirá no posto do Sine, as empresas obrigadas, ou não, pela Lei de Cotas (Lei Federal nº 8.213/91) a contratarem pessoas com deficiência e os trabalhadores que por alguma limitação física ou psíquica encontram dificuldades para se inserirem no mercado de trabalho.

 Lara Cavalcante/ Governo do Estado/ Fotos: Carlessandro Souza

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×