POLÍCIA CIVIL PRENDE EM FLAGRANTE TRIO SUSPEITO DE PRATICAR ROUBO À MÃO ARMADA EM ARAGUAÍNA

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

POLÍCIA CIVIL PRENDE EM FLAGRANTE TRIO SUSPEITO DE PRATICAR ROUBO À MÃO ARMADA

Uma ação de combate à criminalidade, deflagrada, na tarde desta terça-feira, 26, por policiais civis da Delegacia Estadual de Investigações Criminais (Deic), Núcleo Norte, em Araguaína, resultou na prisão em flagrante de três indivíduos suspeitos de assaltar, poucas horas antes, um idoso, do qual subtraíram mais de R$ 2 mil reais, em Nova Olinda.

IMG_6269 (1)

Durante a operação foram presos Gildeon de Paula Teles, vulgo “Deon”, Rafael Glipson da Silva, vulgo “Kamikaze” e Wadson Claudio Ferreira Silva, vulgo “Coração”, por terem cometido os crimes de roubo qualificado pelo emprego de arma de fogo, posse e porte ilegal de arma de fogo, tráfico de drogas e associação criminosa.

Conforme o delegado regional Bruno Boaventura, as equipes da Deic foram até o município de Nova Olinda -TO a fim de apurar denúncias da ocorrência de tráfico de drogas na cidade. No entanto, no curso das diligências, os policiais civis foram informados de que dois indivíduos teriam praticado um roubo contra um senhor na Av. Duque de Caxias.

Os policiais se deslocaram até o endereço mencionado, e quando chegaram encontraram a vítima ferida na região da cabeça, em razão de um golpe desferido pelos autores. De imediato, os agentes levantaram as informações preliminares necessárias e a equipe deu início às buscas no sentido de localizar e capturar os autores do delito, bem como recuperar os pertences da vítima.

Desse modo, após algumas horas de diligências ininterruptas, os agentes da Deic  receberam uma denúncia anônima informando que os autores do roubo teriam entrado em um micro-ônibus rumo à cidade de Araguaína-TO.

Com base nas informações, a equipe foi até a BR-153, na altura do bairro de Fátima, onde interceptou o referido veículo, localizando os autores do crime de roubo, os quais estavam portando R$ 2.300,00, pertencente à vítima, além de um revólver calibre 38 municiado com seis cartuchos intactos, bem como uma faca.

Diante da situação de flagrância, Rafael, Wadson e Gildeon foram conduzidos até a sede da Deic onde foram lavrados os autos de prisão em flagrante dos três indivíduos. Após as providências legais cabíveis, os três indivíduos foram encaminhados à Casa de Prisão Provisória de Araguaína, (CPPA), onde permanecerão à disposição do Poder Judiciário.

Ressalta-se que todos os autores já possuem antecedentes criminais, sendo Gildeon por extorsão mediante sequestro e Rafael e Wadson, por roubo.

 Rogério de Oliveira/Governo do Tocantins

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×